الـعـربية Español Français English Deutsch Русский Português Italiano
quinta-feira, 9 de julho de 2020
 
 
 
Actividades Internacionais

Os Representantes eleitos representantes pelos habitantes das regiões sul do Reino, perante a Quarta Comissão da Assembleia Geral das Nações Unidas, destacaram os progressos e as conquistas socioeconômicas alcançados nessas regiões.

















Sr Mohamed Aba, vice-presidente de Laayoune Sakia El Hamra e membro da delegação marroquina eleita no 24º Comitê da ONU, apresentou a situação econômica e social "real" no Saara marroquino, anotando que o progresso realizado se enquadra no âmbito do Programa de Desenvolvimento das Regiões do Sul, lançado pelo Sua Majestade o Rei Mohammed VI, 2015-2021.

Considerando que este novo programa proativo dá uma atenção especial à participação da população local envolvendo uma das principais questões, a saber, o direito de viver em prosperidade e paz social, salientando que o programa inclui mais de 700 projetos com um orçamento global de 8 bilhões de dolares.

O vice-presidente da região de Laayoune Sakia El Hamra destacou também o papel notável  do progresso econômico e social e das realizações realizadas na região do Saara, no âmbito da regionalização avançada, considerando o sucesso do plano de autonomia, apresentado pelo Marrocos desde 2007.

Destacando que o progresso alcançado na implementação dos projetos programados reflete uma alta porcentagem na consecução dos objetivos estabelecidos graças ao grande compromisso financeiro, saudando o valor financeiro dos projetos, concluídos por cerca de 4,5 bilhões de dólares.

"O desenvolvimento da região do Saara marroquino é sustentável e irreversível", declarou ele, enfatizando que "o atual desenvolvimento socioeconômico beneficiará a população local".

Por sua parte, Sra Ghala, vice-presidente da região de Dakhla destacou que a população do Saara marroquino envolve  todos os aspectos da vida, bem como as responsabilidades na gestão dos assuntos da região e o exercício de todos os direitos civis, políticos, econômicos e culturais, de modo livre, e com acesso a todos os mecanismos de controle autorizados pela lei e os órgãos eleitos.

Gala saudou a participação direta, juntamente com os outros partidos eleitos, no gerenciamento diário dos assuntos locais da população, notadamente nos principais programas de desenvolvimento das regiões saranianas.

Ela também expressou orgulho "pelo reconhecimento internacional dos notáveis ​​resultados alcançados no Saara marroquino e confirmados pelo Secretário-Geral das Nações Unidas em seus relatórios anteriores, especialmente o relatório publicado em abril de 2019".

Por fim a Sra. Gala considerou que este dado constitui um avanço em prol dos esforços para servir os cidadãos e o desenvolvimento desta região, que ocupa o terceiro lugar em termos de renda per capita em nível nacional, depois das duas regiões de Laayoune e Casablanca.

Noticias sobre o saara ocidental/Corcas







 

 Este site não será responsável pelo funcionamento e conteúdo de links externos !
  Copyright © CORCAS 2020