الـعـربية Español Français English Deutsch Русский Português Italiano
sexta-feira, 7 de outubro de 2022
 
 
 
Imprensa Audiovisual

A Ministra das Relações Exteriores e da Integração Regional da República de Gana, Shirley Ayorkor Botchwey saúdou, terça-feira passada, os esforços do Reino que visam uma solução política negociada em torno da disputa regional  da questão do Saara marroquino.


Durante uma entrevista por videoconferência com o Ministro dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Africana e dos marroquinos Residentes no Estrangeiro, Sr. Nasser Bourita, e a chefe da diplomacia ganesa  reiterando o firme apoio à decisão 693 da Cimeira de Chefes de Estado e do Governo do União Africana, julho de 2018, considerando a exclusividade das Nações Unidas como um quadro consensual para o processo conducente, em termos de uma solução política, mutuamente aceitável, realista, pragmática e definitiva para esta questão.

Durante este encontro, os dois ministros saudaram as excelentes relações de amizade e solidariedade entre os dois países, lembrando da visita de Sua Majestade o Rei Mohammed VI,  fevereiro de 2017, a Accra, coroada com a assinatura de 25 acordos dos quais jurídicos, parcerias governamentais e outras relacionadas com responsáveis público-privados em diferentes áreas de cooperação, anotou o comunicado da imprensa do Ministério dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Africana e dos marroquinos residentes no estrangeiro.

Impulsionados pelo desejo de desenvolver uma parceria econômica mutuamente benéfica, os dois lados concordaram em fortalecer a cooperação em setores prioritários como agricultura, turismo, saúde, formação vocacional e energia e mineração.

O Sr. Bourita e a Sra. Botchwey também manifestaram o interesse de ativar o conselho econômico do Marrocos-Gana com o objetivo de incentivar os setores privados dos dois países, explorando outras oportunidades de investimento, bem como as parcerias públicas e do setor privado, capaz de servir o modelo da cooperação Sul-Sul na África.

A nível multilateral, os dois ministros comprometeram-se a assegurar uma melhor coordenação das suas acções, concedendo reciprocamente o apoio aos organismos regionais e internacionais para promover a parceria a um nível superior em matéria de paz e segurança., conclui o comunicado de imprensa.

-Notícias sobre a questão do Saara Ocidental / Corcas-

 

 Este site não será responsável pelo funcionamento e conteúdo de links externos !
  Copyright © CORCAS 2022