الـعـربية Español Français English Deutsch Русский Português Italiano
sexta-feira, 7 de outubro de 2022
 
 
 
Imprensa Audiovisual

A Ministra dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação Internacional do Reino de Eswatini, Thulisil Daladla reafirmou, quarta-feira passada, o apoio "real e firme" do seu país  a favor da integridade territorial de Marrocos.


Durante as conversações através da tecnologia de vídeo, com o Ministro  dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Africana e dos marroquinos residentes no estrangeiro, Nasser Bourita, saudou os esforços, engajados por parte de Marrocos para encontrar uma solução política deste conflito regional.

O comunicado do Ministério dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Africana e dos marroquinos residentes no estrangeiro sublinhou que a Ministra de Eswatenian também reafirmou a relevância da Resolução 693, publicada pela Cimeira de Chefes de Estado e de Governo da União Africana, julho de 2018,  consagrando a exclusividade das Nações Unidas como um quadro para encontrar uma solução da disputa regional sobre o Saara marroquino.

Por outro lado, a Sra. Daladla saudou o notável progresso alcançado pelo Marrocos em vários campos, sob a liderança de Sua Majestade o Rei Mohammed VI, expressando a sua satisfação do compromisso do Reino, visando a alcançar a paz, a estabilidade e o desenvolvimento na África.

Nesta ocasião, a Sra. Daladla exprimiu os sinceros agradecimentos e gratidão de seu país pela ajuda da Sua Majestade o Rei Mohammed VI, no sentido do ritmo e esforços engajados pelo combate à pandemia de Covid-19.

Por sua vez, o Sr. Bourita saudou as iniciativas ousadas de Sua Majestade o Rei Mswati III para dar um novo impulso ao desenvolvimento socioeconômico em seu país, sublinhando os esforços que visam a promover a ascensão do Reino Eswatini, como um ator importante no África do Sul.

Considerando, o Marrocos pronto para compartilhar sua experiência e competencias com Eswatini no campo do desenvolvimento socioeconômico, humano e cultural.

Durante estas conversações, no âmbito das relações de amizade e fraternidade entre o Reino de Marrocos e o Reino de Eswatini, e em sintonia com a vontade de ambos os países continuar a estreitar os laços de cooperação entre si, os dois ministros sublinharam a importância de consultas entre os dois países no seio dos organismos internacionais a exemplo da União Africana e das Nações Unidas.

Concordando em designar seus representantes permanentes em Nova York, Genebra e a União Africana, procurando a coordenar seus trabalhos em termos de interesses comuns.

Por outro lado, os dois responsáveis saudaram a abertura da Embaixada do Reino de Eswatini em Rabat e  seu Consulado Geral a Laayoune, outubro de 2020.

O Sr. Bourita e a Sra. Dalladla concordaram em realizar a primeira sessão da comissão mista de cooperação entre Marrocos e Eswatini, em Rabat, numa data a ser acordada conjuntamente, logo que a situação da saúde mundial o permita.

As duas partes se comprometeram a intensificar e diversificar a sua cooperação em todos os setores promissores, a exemplo da energia, da agricultura, do turismo, da formação, da saúde e educação. Expressando também a sua firme vontade de dinamizar a cooperação econômica mediante o fortalecimento do arcabouço jurídico nas áreas de comércio e investimentos.

A Sra. Daladla confirmou o seu apoio à candidatura de Marrocos para o cargo de Comissário da União Africana para a Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação, bem como para o cargo de membro não permanente do Conselho de Segurança das Nações Unidas (2028-2029), do Conselho de Direitos Humanos (2023-2025) e do cargo de Presidente da Comissão da Função Pública Internacional (2023-2026).

Notícias sobre o saara ocidental-Corcas

 

 Este site não será responsável pelo funcionamento e conteúdo de links externos !
  Copyright © CORCAS 2022