الـعـربية Español Français English Deutsch Русский Português Italiano
sexta-feira, 7 de outubro de 2022
 
 
 
Imprensa Audiovisual

O ministro das Relações Exteriores da Gâmbia saúda a iniciativa marroquina de autonomia, considerada como uma base para uma solução definitiva da questão do Saara marroquino

O Ministro dos Negócios Estrangeiros, da Cooperação Africana e dos marroquinos residentes no Estrangeiro, Nasser Bourita manteve conversações terça-feira passada, através da tecnologia de vídeo, com o Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional e dos gambianos residentes no estrangeiro, Mamadou Tangara.


O comunicado do ministério sublinhou que as duas partes saudaram a abertura do consulado geral da Gâmbia em Dakhla, 7 de janeiro de 2020, e o Sr. Bourita assegurou ao Sr. Tangara que o Marrocos, mantendo a sua disposição a oferecer a sua expertise e experiência nas áreas econômicas e desenvolvimento social a República da Gâmbia, pelo período 2018-2021.

Os dois ministros expressaram ainda o desejo de continuar a desenvolver a cooperação entre os dois países, envolvendo os diferentes setores a exemplo da energia, das energias renováveis, da agricultura, da infraestrutura, da formação, da água, da educação, além do intercâmbio de experiências no campo da gestão da água e construção de barragens.

A mesma fonte tem sublinhado que, os dois responsáveis. Burita e Tangará exprimiram neste sentido a vontade de fixar uma data para a terceira sessão do Comité Misto de Cooperação, visando um fórum económico em Banjul. Os dois ministros têm discutido, neste contexto, sobre os diferentes projectos de cooperação e sua implementação, sobretudo na energia, no comércio e indústria, bem como na Bitributação, na Agricultura, na Juventude, no Desporto, nos assuntos da Religião, na Promoção de Investimentos, e no Turismo e Cultura.

O Sr. Tangara exprimiu a sua gratidão ao seu homólogo marroquino pela oferta de bolsas a estudantes gambianos em Marrocos,  contribuindo para o desenvolvimento das suas capacidades da formação e conhecimento acadêmico,  aumentando esta cota envolvendo futuros técnicos em muitos setores de atividades e serviços.

O comunicado sublinhou que as duas autoridades, Sr. Bourita e Tangará se comprometeram a apoiar-se mutuamente em todas as questões de interesses comuns, em relação à questão do Saara marroquino, o Sr. Tangara  renovou o firme apoio do seu país à integridade territorial do Reino de Marrocos, saudando os esforços do Marrocos que buscam uma solução política em torno do litígio regional sobre o Saara marroquino.

Por outro lado, o Sr. Tangara saudou a Iniciativa Marroquina da Autonomia, base da resolução definitiva do diferendo saraniano, reiterando o total apoio da República da Gâmbia ao papel desempenhado das Nações Unidas como quadro exclusivo e compatível para alcançar uma solução duradoura em torno deste conflito regional, tendo em vista a Resolução 693 da UA, adotada na 31ª cimeira, em julho de 2018, apoiando oficialmente o processo das Nações Unidas neste contexto.

Durante essas discussões, os dois ministros também manifestaram o desejo de continuar a fortalecer a comunicação estratégica e a coordenação entre os dois países, tendo em vista diferentes fóruns regionais e multilaterais, como a União Africana e as Nações Unidas.  Concordando no envolvimento, por meio de seus representantes permanentes em Nova York, Genebra e a União Africana, em prol da coordenação de suas ações e decisões sobre as questões de interesse comum.

O comunicado concluiu que os dois ministros acabaram de discutir a necessidade de apoiar mutuamente as nomeações dos diferentes  cargos nas instituições continentais e internacionais.

Notícias sobre o saara ocidental-Corcas

 

 Este site não será responsável pelo funcionamento e conteúdo de links externos !
  Copyright © CORCAS 2022