الـعـربية Español Français English Deutsch Русский Português Italiano
quinta-feira, 17 de outubro de 2019
 
 
 
Imprensa Audiovisual

O Ministro dos Negócios Estrangeiros e da  Cooperação, Sr. Salaheddine Mezouar, preside na terça-feira, 13 de janeiro corrente a abertura oficial da Embaixada do Reino de Marrocos, na República do Panamá, a cerimônia de abertura contou com a presença de muitas personalidades oficiais, políticos e diplomáticas acreditadas no Panamá, notadamente o vice-ministro do exterior encarregado das relações externas, Amael Candanedo, o Juiz Presidente do Supremo Tribunal de Justiça, José Ayu Prado, além de membros do corpo diplomático acreditado no Panamá.

 



Sr Mezouar declarou que a abertura da Embaixada de Marrocos em Panamá é considerado como "uma mensagem de confiança que confirma a determinação de Marrocos para construir uma parceria no futuro mais próspera entre os dois países e os dois povos", salientando sobre a necessidade de trabalhar em cooperação com o Panamá, parceiro sério e fiável, tendo em vista "fazer face aos desafios comuns em um mundo que requer o fortalecimento da cooperação Sul - Sul como a chave para o futuro ".

 Explicando que a abertura da Embaixada no Panamá se insere dentro da filosofia da política externa de Marrocos sob a sábia liderança de Sua Majestade o Rei Mohammed VI, baseada sobre o fortalecimento dos vínculos Sul - Sul, notadamente com África e América Latina considerados como dois pilares capazes de alcançar o progresso e o equilíbrio no mundo de hoje.

 O Ministro concluiu que a sua visita a Panamá reflete o compromisso de Marrocos para seguir em frente na consolidaçao da amizade entre os dois países , culminado a abertura das embaixadas, destacando ainda ao dizer que "temos uma grande trabalho que fazemos juntos e do qual aprendemos uns com os outros, mas principalmente e que temos em nossa frente interesses a  beneficiar juntos."

 Por sua parte, o vice-ministro das Relações Exteriores encarregado das relações externas panamenho, Amaeal Candanedo, representado como o vice do Presidente da República do Panamá, e o Ministro das Relações Exteriores, Isabel Saint-Malo de Alvarado, insistiram no sentido de reforçar a cooperação com o Reino de Marrocos, país de herança e rica cultura,  isso vai beneficiar os dois países, sem dúvida. Exprimindo a urgéncia do Ministério das Relações Exteriores do Panamá, para unir esforços a fim de lançar as bases das relações "frutíferas", considerando que a abertura da Embaixada do Reino de Marrocos em Panamá é capaz de fazer das relações cada vez mais fortes e sólidas entre "os dois países irmãos".

 

- Notícias relativas ao Saara Ocidental / Corcas - 

 

 Este site não será responsável pelo funcionamento e conteúdo de links externos !
  Copyright © CORCAS 2019