الـعـربية Español Français English Deutsch Русский Português Italiano
quarta-feira, 22 de janeiro de 2020
 
 
 
Imprensa Audiovisual

Sr. Ould Errachid Khalihenna: o sara conhece uma situação de calma e estabilidade sem precedente

Senhor Khalihenna Ould Errachid, Presidente do Conselho Real Consultivo para os Assuntos Saranianos disse em uma declaração exclusiva à Rádio basco Euskadi, sexta-feira, tratando sobre o caso de Aminatou Haidar, bem como sobre o futuro do conflito do Saara, tal região conheceu "uma situação de calma e estabilidade sans precedência, logo que a  Sua Majestade o Rei Mohammed VI anunciou a iniciativa que visa conceder um plano de autonomia" para os sarauis.




Khalihenna Sr. Ould Rachid tem dito neste contexto, que "a situação nunca esteve tão estável tanto quanto foi nos últimos quatro anos passados" no sara, frisando isso via um otimismo compartilhado entre todos os sarauís da região, nos campos de Tindouf e fora "enquanto se esperava a conclusão do projeto histórico" referente ao plano de autonomia. Acrescentando  sobre este o optimismo que atravessa os moradores da região, sendo que nem " Aminatou Haidar, nem ninguém pode mudar seu sentido, particularmente, em razão do " peso reduzido do separatismo dentro”.

A crônica do rádio basco, referiu ao referendo de autodeterminação, sobre o qual insiste a Frente da Polisário, apresentando o ponto de vista do senhor Khalihenna Ould Errachid, que explicou que "a independência não é mais uma opção", definindo o razões históricas e objetivas referente a incapacidade de realizar o referendo, e da posição de corte das próprias Nações Unidas, sobre a impossibilidade de sua aplicação na técnica e na política, sublinhando que  "só "A autonomia é a única solução que parece possível."

A Radio basco tratou sobre a homenagem prestada pelo presidente do Conselho - Corcas diante da grande mudança que conheceu a posição espanhola na questão do sara. A Radio enfatizou, portanto, o seu ponto de vista em relação a função atual da Espanha que tem por objetivo implementar a autonomia como uma solução para a região, lembrando o exemplo da Espanha nesta área que é considerado como hoje " muito mais forte graças a integração das regiões autônomas”.

A Radio basco Euskadi concluiu na sua crônica com uma apresentação do Presidente do Corcas,  das grandes linhas que envolvem a iniciativa marroquina que visa conceder uma larga autonomia aos saranianos, como sendo a "melhor garantia de estabilidade democrática,  de desenvolvimento e da proteção dos interesses da sociedade "sarauí.

Para ouvir a crônica clique sobre a Radio basco Euskadi

Fonte: Corca
- Notícias sobre a questão do Saara Ocidental / Corcas

 

 Este site não será responsável pelo funcionamento e conteúdo de links externos !
  Copyright © CORCAS 2020